No dia 05 de fevereiro, o Pb. Bruno Barreto compartilhou uma palavra com o tema: “As 4 crises de Davi”.

Resumo da palavra

O justo se deparará com crises, mas nunca será desamparado por Deus. A palavra crise pode ser definida como um ponto de decisão que pode levar a um desastre ou até mesmo uma catástrofe. A forma como respondemos a crise é que determina se ela nos fará crescer ou afundar.⠀
Entre as várias crises de Davi, vamos analisar 4:⠀

1- Crise de identidade. Davi foge de Saul e vai morar entre os filisteus, povo inimigo de Israel. Tomado por medo, ele começa a agir como os filisteus, se esquecendo de que foi chamado pra vencê-los, não para se juntar a eles. Essa crise se agrava a tal modo que Davi chega a pedir pra lutar contra o próprio povo de Israel.Ter medo e olhar para o adversário nos leva a uma crise de identidade.⠀

2- Crise de Conhecimento. Davi manda trazer a arca da aliança, um desejo bom, mas o jeito errado de realizá-lo.Não adianta querer trazer a arca que representa a presença de Deus, se não sabemos como fazer da maneira certa, e esse conhecimento só vem da palavra.Não importa o quão cheio de boas intenções somos se não sabemos aplicá-las sabiamente. Isso só gera destruição.⠀
⠀ ⠀
3- Crise Funcional. Davi tinha uma função: ir pra guerra, mas se achou superior ao seu chamado e decidiu descansar. Atitude que o levou a vários pecados.Deus não deu uma coroa a Davi para que ele ficasse em casa.⠀
Quando não correspondemos a nossa função, entramos em crise funcional. Precisamos ser obreiros aprovados que correspondem ao tempo, é tempo de guerra? então vamos pra guerra.⠀

4- Crise de Poder. Davi começou a olhar para o grande exército que tinha conquistado e se ensoberbeceu por incitação de satanás. Temos que vigiar pra não atribuir nossas conquistas ao nosso talento e força, o que alcançamos, alcançamos por Ele e sem Ele nada podemos fazer.O contrário da soberba é a dependência de Deus.⠀

Que possamos aprender com as crises de Davi e entender que, quando não nos posicionamos, elas não afetam só a nós, mas todos ao nosso redor. É tempo de darmos a resposta certa.