No dia 09 de fevereiro, a pastora Sheila Vianna compartilhou uma palavra com o tema: “Como nos dias de Noé”.

 

Resumo da palavra

Jesus se volta aos discípulos e diz que Deus viria em um tempo como nos dias de Noé, onde as pessoas estariam preocupadas só com o aparente e não com a eternidade.⠀

No tempo de Noé aconteceu o maior juízo da terra e quando falamos de juízo, não falamos só de punição, mas de alinhamento.⠀ ⠀
Noé achou graça diante do Senhor porque era justo, íntegro e andava com Deus. Ele é a prova de que mesmo cercado por más influências, é possível ser justo, íntegro e andar com Deus.⠀

O justo não julga as situações baseado em emoções egoístas e interesses pessoais. Nós temos a tendência de achar justo os alinhamentos na vida dos outros, mas quando o juízo vem nos alinhar, achamos injusto. Precisamos aplicar a justiça de Deus, mesmo sendo desafiador, há recompensa!⠀

Além de justo, Noé era íntegro, sem mancha. Deus espera integridade, não infalibilidade. Deus não espera que sejamos infalíveis, mas transparentes e dispostos a se limpar sempre.⠀
Se você for íntegro, os seus filhos receberão o teu legado.⠀ ⠀
Noé creu, foi justo e íntegro, a sua casa foi salva COM ele e não POR ele. Não podemos salvar pessoas, mas podemos influenciá-las pra entrarem junto!⠀

Se pregamos a justiça e não vivemos a integridade, fechamos as portas do céu pras pessoas.⠀

Noé tinha uma fé obediente. Deus deu direções minuciosas sobre a construção da arca e ele fez como mandado. A obediência verdadeira está nos detalhes. ⠀
A estrutura precisa ser feita como Deus mandou pra que a promessa venha. ⠀

Pela obediência a gente dá conta!⠀

Sucesso é cumprir a missão com fidelidade em todos os detalhes. Lembremos que só Deus fecha a porta, não nós.⠀

Deus se lembrou de Noé, as águas baixaram e a arca desceu sobre os montes. Deus não vai colocar qualquer pessoa sobre os montes, mas os noés! ⠀

Estamos nos aproximando de um tempo de juízo, mas pela graça de Deus permaneceremos firmes.

  

 

Apresentação de criança

No dia 09 de fevereiro, os pais Clodoaldo de Andrade Menezes e Cristiane Sargo Gomes Menezes trouxeram o Manoel Sargo Menezes para apresentá-lo ao Senhor.

Na mesma noite, os pais João Alexandre e Viviane Ruiz trouxeram o Theo Alexandre ao altar.

 

Bodas de prata

No último domingo, José Eduardo e Rosemeire comemoraram bodas de prata (25 anos de casados).