No dia 11 de setembro, a pastora Karlinha compartilhou uma palavra com o tema: “Qual a sua resposta?”.

Resumo da palavra

“Que diremos, pois, diante dessas coisas?”, Paulo perguntou para a igreja em Roma e essa pergunta ecoa até os dias de hoje. Nunca vimos tanta coisa acontecendo e tanto questionamento no ar, mas o poder pra ficar imune diante de tudo está na resposta.
Assim como no dia da prova em uma escola você precisa ter a resposta certa, nós precisamos ter a resposta para essa geração.

Vemos dois exemplos de homens que deram a resposta certa:
1- Jó. Mesmo perdendo tudo, deu uma resposta de resiliência bendizendo o nome do Senhor. Toda prova tem um propósito, Jó precisava ser tratado no orgulho.
Deus dá provas maiores para os filhos que são tementes. Ele sabe que a pessoa temente não tem medo dEle, ela tem medo de ficar sem Ele!
Se você é temente a Deus não se iluda, você passará por provas!

Não podemos nos ofender com Deus quando coisas ruins acontecerem.
Quando Jó deu a resposta certa, Deus restituiu em dobro tudo o que ele perdeu. Se dermos a resposta certa Deus irá nos restituir.
2- Abraão. Deus pede a Abraão o seu único filho. Ele teve que ser aperfeiçoado em sua fé porque antes disso tinha esmorecido na fé ao gerar Ismael e ao mentir sobre Sara ser sua esposa. Ele se redimiu com Deus ao entregar o seu filho e foi tratado em suas emoções.Ele teve que sacrificar o que mais amava e foi obediente. As provas vão nos ajudar a ter uma resposta firme e espiritual com base na palavra.
Deus não quer filhos mimados, mas maduros!

Jesus sempre chega a tempo quando a gente é obediente. Ele nunca atrasa!

Parece que a prova vai nos matar, mas não! Quando parecer que não há mais jeito, o leão aparece!
Jó e Abraão tiveram uma coisa em comum: uma revelação de Jesus. Jó falou: “Eu sei que o meu Redentor vive” e Abraão cria que ainda que matasse o seu filho, Deus poderia ressuscitá-lo.
Que possamos dar a resposta certa!