No dia 13 de maio, o Pb. Bruno Alonso compartilhou uma palavra com o tema: “O que temos tolerado?”

 

Resumo da palavra

 

Tem sido bastante propagado um Evangelho LIGHT, que não exige sacrifício ou renúncia, que prega apenas prosperidade e facilidade. Esses que sempre estiveram acostumados a ter tudo sobre o seu controle, hoje encontram dificuldades para entender Deus no meio de um caos como essa pandemia.⠀

Na realidade não estamos acostumados com a correção, ou melhor, nosso orgulho nos impede de entender o amor que há na disciplina.⠀

Tudo que Deus faz é bom e Ele sempre está no controle.⠀
Mas há uma diferença entre liberdade e libertinagem. Precisamos ir contra aquilo que está destruindo a sociedade, pra isso, é preciso parar de tolerar certas coisas.⠀

Tolerar no grego significa: admitir, permitir, não proibir. ⠀

>Não podemos mais guardar ressentimentos, rancor, mágoa.⠀
O perdão nos livra do peso da mágoa e nos faz leves. Ele exige iniciativa, esforço.⠀

>Não podemos mais tolerar esconder o pecado.⠀
Temos dificuldade de expor nossas falhas por preocupação com a nossa reputação. Mas aquele que esconde o pecado vive uma vida religiosa e não de relacionamento com Deus. ⠀
Confessar é essencial par avançar. ⠀

>Não podemos mais tolerar práticas erradas dos nossos filhos.⠀
O propósito de Deus é o arrependimento e pra isso a correção é necessária. Há uma grande responsabilidade sobre nós quanto aos nossos filhos. ⠀

Que Deus abra os nossos olhos para o que temos tolerado!⠀