No dia 19 de outubro, o Pb. Thiago Moreira trouxe uma palavra aos Flames, às 19h, o Pr. Eric Vianna fechou fez o encerramento do Congresso com uma palavra.

Trecho da palavra do Pr. Eric

 

Sadraque, Mesaque, Abdnego e Daniel foram levados cativos para dentro dos portões da Babilônia, mas o sistema da Babilônia não entrou neles.

A Babilônia é um sistema enraizado na nossa geração. Até hoje ela influencia líderes e até mesmo a Igreja.

Como aqueles meninos conseguiram viver ali na Babilônia?

Eles viveram um sistema dentro de um sistema. Eles viveram o Zion (Sião).

Se trata de viver um sistema mesmo estando debaixo de outro sistema.

1) Não se deixe contaminar

Se colocarmos fermento na massa o pão todo será levedado, e terá que ser jogado fora.
Daniel não permitiu ser contaminado.
Quem não for como os 4 meninos não suportará a pressão da Babilônia nesses últimos dias.

2) Não se esqueça do seu nome!

Quando Daniel, Hananias, Misael e Azarias entraram na Babilônia a primeira coisa que fizeram foi mudar o nome deles.

A cada hora o mundo nos chama de um jeito. Mas o sistema babilônico não está programado para conhecer o nosso nome, porque não somos da Babilônia, somos de Sião.

Os meninos entraram na Babilônia, mas a Babilônia não entrou neles.

Muitos tanques já estão vazios por causa da contaminação e da troca dos nomes.

3) Aprenda a andar bem acompanhado

Aqueles jovens não tinham amigos na Babilônia. E todos sabiam quem eles eram.

A Babilônia natural já foi destruída na Terra. E a Babilônia espiritual também será destruída.

Quem são os moradores de Sião? São os que permaneceram na cultura de Sião mesmo estando na Babilônia.

Deus está buscando pessoas para Ele honrar. Ele está andando no meio da Babilônia e procurando seus filhos…os Daniéis, Sadraques, Mesaques e Abdnegos dos dias de hoje.

 

   

NOITE