No dia 22 de julho, o Pb. Marcelo Cecel compartilhou uma palavra com o tema: “O sal da terra”.

 

Resumo da palavra

 

Muitas doenças têm aumentado com a pandemia, como a depressão e a ansiedade.
A humanidade aguarda a única resposta que pode trazer solução para o momento que vivemos: Jesus.
E Ele fará isso através das nossas vidas.

O cenário nunca esteve tão perfeito para que os filhos de Deus se manifestem. É em meio a cenários catastróficos que Deus levanta Seu povo para operar milagres e trazer restauração.

Jesus disse que deveríamos ser sal porque ele possui algumas propriedades:

1- Antisséptico
Ele ajuda a combater infecções, curando o organismo. Deus quer operar cura através da nossa vida!

Mas antes de levarmos cura, precisamos ser curados.

2- Conservador
O sal foi um dos primeiros conservantes que a humanidade conheceu. Ser sal é conservar os princípios de Deus.

Nem tudo que é comum é normal. Nossa moda é celestial, não podemos abandonar os princípios.

3- Valor
O sal na antiguidade era uma especiaria muito valiosa. Muitas pessoas recebiam seus salários pagos através do sal. Todo cristão que é sal tem seu valor intrínseco, porque sabe que é a casa do Espírito Santo, o maior Tesouro. Não podemos nos vender!

4- Dar sede
Aquele que é sal provoca sede de Jesus nas pessoas. Temos a capacidade de gerar sede através do nosso testemunho e posicionamento.

Ser sal é se arrepender verdadeiramente, saber que precisamos do Senhor, e ter nosso coração voltado a Ele.

Não podemos perder a salinidade, temos que dar sabor ao mundo. Caso contrário, seremos inúteis.
#bdnsantos #boladeneve